Coronavírus: Rui projeta ocupação de 1.300 leitos até a primeira semana de junho

O governador da Bahia, Rui Costa, fez uma projeção nesta quinta-feira (7) sobre os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes infectados com coronavírus. Segundo o gestor, o estado deve contar com 1.300 leitos, mas o número não deve ser suficiente em virtude da proliferação da doença e indicou que estes devem se esgotar na primeira semana de junho.

 

“Nossa meta é efetivar as compras. Se conseguirmos, até o fim do mês teremos 1.300 leitos exclusivos. Mas não é suficiente, infelizmente, se os números continuarem crescendo. No fim de maio ou na primeira semana de junho, vamos esgotar os leitos”, afirmou, em entrevista à Rádio UESB FM.

 

O governador lembrou que o estado ainda não conseguiu concluir a aquisição de novos respiradores e indicou que os pedidos podem estar sendo colocados “no final da fila” por questões financeiras. 

 

“Não tem sido fácil. Até o momento, a Bahia não concluiu nenhuma compra vinda do exterior. O que digo é a compra completa, com o respirador chegando. Saiu em rede nacional que nossa compra ficou retida nos Estados Unidos. Nossa última compra foi cancelada no último final de semana porque vinham atrasando a entrega. Temos outra compra com o Consórcio Nordeste que deve chegar nos próximos dias. Esse produto se tornou uma barra de ouro. Acredito que estejam colocando os nossos pedidos no final da fila”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *