Seja bem vindo! Salvador, 13 de Dezembro de 2018
   

Mario Sergio Cortella • Preste ATENÇÃO em quem discorda de você

Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade.
Confúcio



14/10/2018
Paulo Senna - Porto Seguro - Ba
Espero que realmente as propostas dos candidatos, saiam do papel!
14/10/2018
Cláudia Fernandes- Salvador - Ba
Minha gente, o que está acontecendo com a economia da nossa Bahia? O hotel Othon vai fechar?
13/10/2018
Márcio Mendes - Feira de Santana - Ba
Que Deus esteja por nós! Independente do presidente eleito!
31/07/2018
Maria José - Salvador - Ba
Se a Av. ACM já não anda, imaginem a partir de amanhã, com a construção do BRT. Salvador vai parar!
31/07/2018
Marcos Sampaio - Salvador - Ba
Minha gente, com a reforma da orla de Ondina, aquele trcho está um caos!!Meu Deus...
Para fechar a semana em Segundo Sol
A novela mostrará Karola respirando aliviada quando o filho lhe disser que Rosa rompeu o namoro sem explicar seus motivos. Ao mesmo tempo, a filha de Agenor já aparecerá em uma loja de luxo comprando um vestido.... - Leia mais em https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/novelas/virada-em-segundo-sol-rosa-trai-valentim-humilha-o-pai-e-da-show-de-ostentacao-21219?cpid=txt
A novela mostrará Karola respirando aliviada quando o filho lhe disser que Rosa rompeu o namoro sem explicar seus motivos. Ao mesmo tempo, a filha de Agenor já aparecerá em uma loja de luxo comprando um vestido.... - Leia mais em https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/novelas/virada-em-segundo-sol-rosa-trai-valentim-humilha-o-pai-e-da-show-de-ostentacao-21219?cpid=txt
Rosa termina o namoro com Valentim após considerar a proposta de Laureta. Luzia se lamenta com Groa sobre a fuga de sua filha. Ícaro e Acácio procuram por Manuela. Narciso usa drogas com Manuela. Cacau se emociona ao ver Luzia/Ariella e Ícaro juntos. Maura elogia Ionan, que fica sem graça. Nice sofre com a ausência das filhas. Narciso discute com Manuela. Ícaro tenta descobrir o paradeiro de Rosa. Rosa vai ao restaurante de Cacau e humilha Agenor. Manuela pede para Acácio permitir que ela fique no casarão. Beto/Miguel questiona Karola sobre Remy. Cacau pede para adiar seu casamento com Roberval. Ionan conta para Beto/Miguel o que esconde. Rosa volta para a casa de Laureta, agora como sua sócia.
Rosa termina o namoro com Valentim após considerar a proposta de Laureta. Luzia se lamenta com Groa sobre a fuga de sua filha. Ícaro e Acácio procuram por Manuela. Narciso usa drogas com Manuela. Cacau se emociona ao ver Luzia/Ariella e Ícaro juntos. Maura elogia Ionan, que fica sem graça. Nice sofre com a ausência das filhas. Narciso discute com Manuela. Ícaro tenta descobrir o paradeiro de Rosa. Rosa vai ao restaurante de Cacau e humilha Agenor. Manuela pede para Acácio permitir que ela fique no casarão. Beto/Miguel questiona Karola sobre Remy. Cacau pede para adiar seu casamento com Roberval. Ionan conta para Beto/Miguel o que esconde. Rosa volta para a casa de Laureta, agora como sua sócia.
Rosa termina o namoro com Valentim após considerar a proposta de Laureta. Luzia se lamenta com Groa sobre a fuga de sua filha. Ícaro e Acácio procuram por Manuela. Narciso usa drogas com Manuela. Cacau se emociona ao ver Luzia/Ariella e Ícaro juntos. Maura elogia Ionan, que fica sem graça. Nice sofre com a ausência das filhas. Narciso discute com Manuela. Ícaro tenta descobrir o paradeiro de Rosa. Rosa vai ao restaurante de Cacau e humilha Agenor. Manuela pede para Acácio permitir que ela fique no casarão. Beto/Miguel questiona Karola sobre Remy. Cacau pede para adiar seu casamento com Roberval. Ionan conta para Beto/Miguel o que esconde. Rosa volta para a casa de Laureta, agora como sua sócia.
Rosa termina o namoro com Valentim após considerar a proposta de Laureta. Luzia se lamenta com Groa sobre a fuga de sua filha. Ícaro e Acácio procuram por Manuela. Narciso usa drogas com Manuela. Cacau se emociona ao ver Luzia/Ariella e Ícaro juntos. Maura elogia Ionan, que fica sem graça. Nice sofre com a ausência das filhas. Narciso discute com Manuela. Ícaro tenta descobrir o paradeiro de Rosa. Rosa vai ao restaurante de Cacau e humilha Agenor. Manuela pede para Acácio permitir que ela fique no casarão. Beto/Miguel questiona Karola sobre Remy. Cacau pede para adiar seu casamento com Roberval. Ionan conta para Beto/Miguel o que esconde. Rosa volta para a casa de Laureta, agora como sua sócia.
 

Rosa termina o namoro com Valentim após considerar a proposta de Laureta. Luzia se lamenta com Groa sobre a fuga de sua filha.

Como matemático inventou há mais de 150 anos a fórmula das buscas no Google

Cada vez que você faz uma busca simples no Google ou em qualquer outro buscador informático, entre os mecanismos de programação que permitem encontrar o que procura há princípios de lógica que foram concebidos há mais de 150 anos. 

 
 
18/11 - 07:33


Logo após ter sofrido o gol, o Bahia ficou com um homem a mais aos sete minutos do segundo tempo. No entanto, o Tricolor não conseguiu transformar a vantagem numérica no campo em gols e acabou derrotado pelo Atlético-MG por 1 a 0, na noite deste sábado (17), no Independência, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O equatoriano Cazares balançou as redes tricolores aos seis minutos. Com o revés, o Tricolor permanece, neste momento, na 10ª colocação com os mesmos 44 pontos. Já o Galo mineiro, segue firme na sexta posição, dentro do G-6, mas agora com 53.O Tricolor volta ao gramado na próxima quinta-feira (22), às 20h no horário de Salvador, para receber a visita do Fluminense, na Arena Fonte Nova. O duelo vale pela 36ª rodada. Na véspera, às 18h30, o Galo viaja até Porto Alegre para encarar o Internacional, no Beira-Rio.

 
17/11 - 13:03


Um áudio enviado pelo secretário executivo do Ministério do Trabalho, Admilson Moreira, a um grupo de WhatsApp de auditores fiscais abriu nova crise na Esplanada dos Ministérios. De acordo com a Coluna do Estadão, a gravação aponta aparelhamento da máquina pública por partidos que comandaram a pasta, como PT, PDT, Solidariedade, PTB, além da Força Sindical e da bancada evangélica.

 
17/11 - 12:58


A Defensoria Pública da União (DPU) ajuizou ação civil pública (ACP) em que pede à União a manutenção das atuais regras do programa Mais Médicos e a abertura deste a profissionais estrangeiros de qualquer nacionalidade. O objetivo, segundo a própria defensoria, é garantir a continuidade dos serviços prestados à população.

 
17/11 - 12:55


O Supremo Tribunal Federal (STF) se prepara para licitar a compra de carros blindados para o transporte dos ministros da Corte. Depois de o tema da violência ganhar destaque na campanha eleitoral, o órgão, sob orientação da área de segurança, decidiu adquirir 14 veículos blindados para uso dos 11 ministros, segundo apurou o Estadão/Broadcast. O contrato deverá ter teto de R$ 3,206 milhões – vence a proposta de menor valor na concorrência, que será feita por pregão eletrônico.

 
17/11 - 12:46


O deputado Paulo Pimenta (PT-RS), líder do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara, protocolou uma ação junto ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) pedindo a anulação a exoneração do juiz Sérgio Moro. Também assinam a petição os deputados Wadih Damous (PT-RJ) e Paulo Teixeira (PT-SP). O desembargador federal Thompson Flores, presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, o tribunal de segunda instância da Lava Jato, assinou nesta sexta-feira, 16, a exoneração do juiz federal. O magistrado deixará a toga a partir da próxima segunda-feira, 19, para assumir o ‘superministério’ de Justiça e Segurança Pública do governo Jair Bolsonaro em janeiro de 2019. Para o PT, Moro não poderia ter sido exonerado porque há processos administrativos disciplinares contra ele no CNJ. De acordo com o artigo 27 da resolução 135/2011 do próprio Conselho, um juiz processado por razões disciplinares não poderia ser afastado do cargo. “Sérgio Moro cometeu uma série de crimes na sua perseguição política contra o ex-presidente Lula e o PT. Por isso ele responde a diversos processos disciplinares junto ao Conselho Nacional de Justiça, que tem o dever de concluir o julgamento de todas as reclamações. Sérgio Moro não pode estar acima da lei, embora ele tenha sempre agido desta forma durante o seu trabalho à frente da Lava Jato”, afirma Paulo Pimenta em texto publicado no site oficial do PT.

 
15/11 - 16:52


A Corregedoria do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) notificou na tarde desta quarta-feira, 14, o secretário executivo da Secretaria-Geral da Presidência e atual coordenador de assuntos jurídicos do gabinete de Transição, Pablo Tatim, quanto à abertura de processo administrativo disciplinar (PAD) para investigar suposta conduta irregular enquanto ele ocupava o cargo de assessor especial do Ministério do Trabalho.

 
15/11 - 16:49


O secretário geral do PP, Jabes Ribeiro, assentiu que a campanha para a eleição da nova mesa diretora da Assembleia Legislativa (AL-BA) tenha começado mais cedo do que deveria e pregou união dos partidos da base entorno da candidatura de Nelson Leal (PP). “O 2º turno [das eleições presidenciais] estava em andamento e a mídia já noticiava os nomes dos deputados Rosemberg do PT e Adolfo Menezes do PSD como candidatos à presidência da ALBA”, defendeu Ribeiro.

 
15/11 - 11:35


O meia Pedro Ken, do Ceará, foi furtado na noite da última quarta-feira (14), enquanto deixava a Arena Fonte Nova, em Salvador, após a partida contra o Bahia, que terminou em triunfo tricolor por 2 a 1, de acordo com o GloboEsporte. Segundo a assessoria de comunicação do jogador, o ex-Vitória se separou da delegação e estava em um táxi a caminho da casa da noiva, que é baiana, quando um grupo de jovens abriu a porta do veículo e puxou a mochila do jogador.Ken perdeu três cartões de crédito, entre R$ 800 e R$ 1000 reais em espécie, a carteira com documentos e a camisa do Bahia que havia trocado com Zé Rafael ao fim da partida. O atleta da equipe cearense solicitou que, caso os documentos sejam encontrados, sejam entregues na delegacia. Ele não foi ferido.

 
14/11 - 12:47

Estão disponíveis os gabaritos oficiais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou os gabaritos de cada uma das provas aplicadas e os cadernos de questões na íntegra. O material está disponível na página do Enem. Os resultados individuais do Enem serão divulgados no dia 18 de janeiro. Mesmo com o gabarito, os candidatos não conseguirão saber a nota que tiraram, porque o sistema de correção do Enem usa a metodologia da teoria de resposta ao item (TRI), que não estabelece previamente um valor fixo para cada questão. O valor varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item. Assim, se a questão tiver grande número de acertos será considerada fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. O estudante que acertar um item com alto índice de erros, por exemplo, ganhará mais pontos por ele. Dessa forma, o candidato só saberá a sua nota nas provas objetivas após a divulgação do resultado final, em janeiro.Na última segunda-feira (12), o Inep anulou uma das questões da prova de matemática por já ter sido usada em um vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em 2013, descumprindo os requisitos de ineditismo e sigilo do exame. A autarquia instaurou sindicância para apurar responsabilidades. O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro a mais de 4 milhões de estudantes em todo o país. No primeiro domingo, os estudantes fizeram provas de linguagem, ciências humanas e redação. No segundo domingo, fizeram provas de ciências da natureza e matemática. A nota do exame poderá ser usada para concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).
 
14/11 - 12:36

O ex-deputado Sérgio Barradas Carneiro não deixou de registrar a visita do governador Rui Costa à empresa Odis Fitering que fabrica dessalinizadores, equipamentos que transformam água salobra em potável, em Israel. O ex-parlamentar lembrou que a tecnologia foi introduzida no Estado pelo ex-governador João Durval, seu pai, durante o período em que governou a Bahia entre 1983/87. Sérgio deu intensa divulgação a esta tecnologia nos seus mandatos na Assembléia Legislativa e na Câmara Federal, fazendo sessões especiais e um seminário internacional em Brasília, lutando também pela instalação da fábrica Perenne em Feira de Santana. Enfim, lamenta que, tanto tempo depois, ~e com tanto trabalho feito aqui, o governador tenha que ter ido tão longe para se impressionar com o que já é de conhecimento público e notório aqui há tanto tempo”.
 
14/11 - 12:01


 Prestes a começar a gravar "Verão 90", próxima trama das 19h da Globo, Camila Queiroz cortou os cabelos para a personagem. Na história de Izabel de Oliveira e Paula Amaral, ela interpretará Vanessa Dias, cúmplice do vilão Jerônimo (Jesuíta Barbosa). 

 
- Acho fundamental se transformar para um papel. Isso nos ajuda a criar, a entender o universo da personagem e a contar melhor a história. Mas, claro, toda mudança é uma mudança. Eu estou me adaptando. 
 
14/11 - 12:00


 
Provocado por aliados do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o presidente nacional do DEM, ACM Neto, se recusou a divulgar uma nota formalizando que o partido não endossa as indicações de ministros para o governo Bolsonaro, de acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.
 

O prefeito de Salvador disse que o gesto sinalizaria “hostilidade desnecessária” e que não iria impor vetos ou restrições a filiados que queiram colaborar com o capitão da reserva. 

 
14/11 - 12:00


 
Provocado por aliados do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o presidente nacional do DEM, ACM Neto, se recusou a divulgar uma nota formalizando que o partido não endossa as indicações de ministros para o governo Bolsonaro, de acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.
 

O prefeito de Salvador disse que o gesto sinalizaria “hostilidade desnecessária” e que não iria impor vetos ou restrições a filiados que queiram colaborar com o capitão da reserva. 

 
14/11 - 11:53

 O discursar para um público de apoiadores, durante o lançamento de seu livro de memórias, o ex-ministro José Dirceu afirmou, na noite desta segunda-feira (12), que o governo do presidente da República eleito, Jair Bolsonaro (PSL), terá base popular e tempo pela frente.

 
Ele disse ainda que Bolsonaro avançou sobre a base da qual o PT se afastou durante seus quatro mandatos.
 
“Não nos iludamos. É um governo que tem muita base social, muita força e muito tempo pela frente. Vai transformar a segurança em pauta", contou.
 
14/11 - 11:47

 O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) vai se reunir com os governadores eleitos e reeleitos nesta quarta-feira (14), em Brasília. Como o governador Rui Costa (PT) está em viagem fora do país (veja aqui), o vice João Leão (PP) irá representá-lo na ocasião. Diferente do PT, que disputou a eleição contra Bolsonaro, o PP se manteve neutro no segundo turno da eleição presidencial. No passado, de 2005 a 2016, o capitão integrou o Partido Progressista. No encontro que será realizado no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), Leão pretende levar uma "pauta de reivindicações", entre elas, a ponte Salvador-Itaparica. "O projeto já está pronto, mas não é justo que o governo federal não bote um centavo", afirmou, em entrevista à Tribuna da Bahia. 

 
14/11 - 11:42

 O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) será interrogado hoje (14), a partir das 14h, em Curitiba. Ele será transportado de carro da carceragem da Superintendência da Polícia Federal onde está preso, desde abril, para a sede da Justiça Federal, ambas na capital paranaense. Será a primeira vez que ele deixará a superintendência em sete meses. Lula vai depor em um dos processos da Operação Lava Jato relativo ao sítio Santa Bárbara de Atibaia (SP). A juíza federal substituta Gabriela Hardt vai conduzir a oitiva. O ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em outro processo, o caso do triplex em Guarujá (SP). Gabriela Hardt, da 13ª Vara da Justiça Federal, substitui o juiz federal Sergio Moro, que aceitou ser ministro da Justiça do governo eleito Jair Bolsonaro. De férias e informando que irá pedir exoneração do cargo, Moro é substituído por Hardt. O ex-presidente foi denunciado por recebimento de propina das construtoras OAS e Odebrecht.

 

 
14/11 - 11:40

 O futuro ministro da Casa Civil do governo Jair Bolsonaro, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta quarta-feira, 14, que o Ministério do Desenvolvimento Social e o de Direitos Humanos serão fundidos e vão passar a se chamar Ministério da Cidadania. A nova pasta vai aglutinar áreas d desenvolvimento social, direitos humanos e política antidrogas. Em entrevista à Rádio Gaúcha, Lorenzoni disse ainda que o Ministério do Trabalho poderá ficar com a nova estrutura, mas que o modelo será analisado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro. “O Ministério do Trabalho ficará junto com a ‘produção’ ou vai para um outro ministério chamado de Cidadania, que aí tem lá o Desenvolvimento Social, os Direitos Humanos”, disse o ministro. A proposta do novo governo transfere a Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas, hoje ligada ao Ministério da Justiça, para o novo ministério. A pasta ficaria com a responsabilidade de coordenar programas sociais como o Bolsa Família.

 
14/11 - 11:39


 O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) disse, em entrevista à TV Record nesta quarta-feira, 14, que vai avisar ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), que há “outros candidatos” à vaga de presidente da Casa. Maia tenta costurar sua reeleição e vincula o apoio formal do DEM ao futuro governo a esse apoio. Em entrevista à TV Record, disse ainda que vai pedir ao presidente da Câmara que faça um esforço para aprovar a Medida Provisória (MP) que prevê a destinação de recursos de loterias federais para a Segurança Pública. “Rodrigo tem seus interesses, eu tenho os meus. Nós não vamos interferir nas eleições para a mesa como um todo, até porque não nos reunimos com a bancada. Esse é o recado que vou por para Maia (no café da manhã que os dois tiveram em Brasília, na manhã desta quarta-feira). Existem outros candidatos também, muito bons, se lançando”, disse Bolsonaro na entrevista à Record. “Vamos esperar a bancada, afinal de contas o presidente não pode se envolver diretamente nessa questão. Isso não é bom para o Brasil”, disse. Os dois se encontraram nesta manhã por cerca de uma hora no Centro Cultural do Banco do Brasil em Brasília, onde se concentra a equipe do governo. Maia chegou por volta das 8h30 para um café e deixou o prédio cerca de uma hora depois. Bolsonaro acompanhou Maia até a saída, mas nenhum dos dois falou com a imprensa. Segundo Bolsonaro, a aprovação da MP é um pedido de Sérgio Moro, que vai assumir o futuro Ministério da Justiça e Segurança Pública. “Se não aprovar, Moro começa sem recursos para fazer o que quer, que é o combate a corrupção e ao crime organizado”, disse o presidente eleito, que está em Brasília e se reunirá com Maia. Além de novos recursos para a segurança pública, o encontro também deve tratar sobre a aprovação de novos gastos para o governo futuro, a exemplo do que aconteceu com o aumento para o Judiciário, aprovado na semana passada. “Temos que entender que estamos no mesmo barco”, disse Bolsonaro.

 
14/11 - 08:54


 O ex-ministro Geddel Vieira Lima virou réu em mais quatro ações penais por fraudes na Caixa Econômica Federal. Segundo a coluna Satélite, do jornal Correio, os processos são no âmbito da Operação Cui Bono, que investiga concessão de crédito da Caixa em troca de propina, por meio do FI-FGTS.

As denúncias pelos crimes de corrupção passiva e ativa e lavagem de dinheiro foram aceitas pelo juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da Justiça Federal do Distrito Federal. Ainda de acordo com a publicação, além do ex-ministro, atualmente preso na penitenciária da Papuda, outras 17 pessoas viraram rés nas ações.

Entre eles, estão o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, também preso, o ex-ministro Henrique Eduardo Alves, o operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro e o ex-vice-presidente da Caixa Fábio Cleto. Autor das denúncias, o Ministério Público Federal pediu que os réus paguem de multa e façam ressarcimento de recursos que ultrapassam R$ 3 bilhões.

O juiz ainda concedeu aos acusados dez dias para que apresentem resposta. Além disso, ele pede que a Polícia Federal apresente, em 15 dias, relatório dos bens apreendidos ao longo da investigação. 

 
11/11 - 08:28


Forças de centro e legendas de esquerda tentam se adaptar ao novo cenário político no País, depois da eleição de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência e da “onda conservadora” que ampliou o espaço de siglas de direita no Parlamento e governos estaduais. No primeiro caso, lideranças que tentaram, sem sucesso, articular uma candidatura consensual ainda no primeiro turno das eleições iniciaram conversas que podem resultar em novas composições partidárias.

 
11/11 - 08:09


O presidente eleito, Jair Bolsonaro, cancelou a visita que teria ao Congresso Nacional na próxima terça-feira (13) e também encontro com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), informou a equipe responsável pela transição de governo. Ambos os eventos chegaram a constar da agenda, porém, foram retirados, assim como ocorreu, ontem, com reunião com o presidente do Congresso, Eunício Oliveira.

 
11/11 - 07:57


Golpe do WhatsApp traz falsa promoção da empresa O Boticário. Ao realizar tal ação, uma outra mensagem, indicando que o usuário ganhou o perfume, aparece com uma barra de carregamento que só seria finalizado após a pessoa compartilhar o link no WhatsApp até que a barra de progresso seja totalmente preenchida. Logo em seguida, o aplicativo é aberto, fazendo com o que a vítima compartilhe a mensagem falsa. Em nota divulgada nas redes sociais, a empresa O Boticário fez um alerta para os usuários sobre a fraude e reafirmou que qualquer promoção envolvendo a marca é sempre divulgada nos meios oficiais.
 

 
11/11 - 07:54


Vanilda Coutinho de Souza de Oliveira, de 49 anos, acusada de planejar a morte da própria mãe, a aposentada Zenilda Coutinho de Souza, 78, foi presa na manhã deste sábado (10), em uma casa na praia do Canta Galo, na Rua Barão de Cotejipe, no bairro da Calçada. Ela confessou o crime. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a mulher, que estava foragida após o marido assassinar sua mãe à facadas, foi presa em operação que reuniu policiais militares da 16ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Comércio), da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central) e do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

 
11/11 - 07:48


Já são dez os mortos na tragédia em Niterói. No início da noite deste sábado (10), os bombeiros recolheram o décimo corpo, vítima do deslizamento ocorrido hoje na Comunidade Boa Esperança, em Piratininga, Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro. Os nomes dos mortos ainda não foram revelados. Os trabalhos de resgate terão prosseguimento neste domingo.Em nota, o Corpo de Bombeiros informou que, além dessas vítimas, 11 pessoas foram resgatadas com vida. Ao longo desta semana, choveu muito no Rio de Janeiro e em Niterói, o que pode ter contribuído para o desastre.

 
11/11 - 07:45


O número de mortos após um deslizamento atingir imóveis no Morro da Boa Esperança, em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, chegou a nove, até a tarde deste sábado (10). Entre elas, uma criança e duas idosas. A tragédia aconteceu na madrugada deste sábado, pelo menos seis casas habitadas foram atingidas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma pedra rolou e atingiu os imóveis. Até o momento, 11 pessoas foram resgatadas, entre elas, um bebê.

 
«« Primera | Anterior | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | Proxima | Última »»
14/11/2018 | 12:00:57
ACM Neto não quis afirmar em nota que não se envolveu em indicações de ministros
 
Provocado por aliados do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o presidente nacional do DEM, ACM Neto, se recusou a divulgar uma nota formalizando que o partido não endossa as indicações de ministros para o governo Bolsonaro, de acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.
 

O prefeito de Salvador disse que o gesto sinalizaria “hostilidade desnecessária” e que não iria impor vetos ou restrições a filiados que queiram colaborar com o capitão da reserva. 

17/10/2018 | 16:31:29
Em plena democracia, a intolerância política faz vítimas

 (Por Fernanda Dourado) As eleições 2018 para os cargos de governadores, senadores, deputados federais e deputados Estaduais foram meras coadjuvantes neste pleito. O brasileiro - focou na batalha entre os candidatos a presidência da República. Apesar de mais politizados, os brasileiros estão, também, mais intolerantes. O que vemos hoje é intransigência às ideias alheias. Os extremistas tanto da direita, quanto da esquerda não aceitam - de maneira alguma - que o outro defenda o que muitos acreditam ser indefensável. A divergência de pensamentos faz parte da democracia e, claro, é louvável que todos intercedam - com unhas e dentes - sua opinião, mas é plausível não repulsar com ódio as alheias. Afinal, vivemos em uma democracia e, não, em uma ditadura. A intransigência política parece ter deixado o Brasil estagnado no século 19 - já que muitos continuam a achar que podem decidir o voto alheio. A intransigência é tanta que a agressão deixou de ser verbal e foi além com a tentativa de homicídio ao candidato à presidência pelo PSL,Jair Bolsonaro, esfaqueado durante um ato político na cidade de Juiz de Fora, no estado de Minas, no dia 6 de setembro. Segundo a polícia federal, o atentado ao presidenciável foi motivado por inconformismo político. Um mês e dois dias após a tentativa de homicídio a Bolsonaro, o mestre de capoeira Moa do Katende foi morto com 12 facadas após uma discussão política, em Salvador, na Bahia, de acordo com a polícia o assassinato também foi por questões políticas quando a vítima disse votaria no PT.

17/10/2018 | 16:29:12
Século XXI, expressar posições políticas virou algo perigoso

(Por Fernanda Dourado)

Vale lembrar que a ditadura militar foi um período de governo autoritário no Brasil. Durou 21 anos, iniciou em 1964, mas acabou há 33 anos. Portanto, apesar da modernidade tecnológica ter nos aproximando virtualmente - a mesma revelou o lado autoritário, sombrio, deselegante e  sectarista de muitos eleitores. Quando há divergências políticas nas redes sociais é deplorável ler os comentários. Algumas mensagens imagina-se que não foram escritas por pessoas em plena sanidade mental. Ao invés de tentar convencer o outro através de propostas, as ofensas tomam contam das discussões políticas de ambos os lados. A possibilidade de quem pensa de um jeito vir a pensar de outro, muitas vezes, é deixada de lado pelo radicalismo político e pela afronta a opinião alheia. A intransigência política vem ganhando espaço nos discursos da sociedade, sobretudo nas redes sociais e nos grupos de WhatsApp. Os mais radicais tentam impor a todo custo suas preferências partidárias, seus candidatos e suas ideias às escolhas dos outros. É entristecedor como a sociedade está inflexível e não suporta ser contrariada. O voto além de secreto é soberano. A democracia é um sistema que assegura que a maioria decida. Dessa forma, devamos aceitar a decisão dos brasileiros e torcer por um país de progresso - independente de quem seja o presidente eleito no dia 28 de outubro. 

 
05/09/2018 | 12:45:21
Propaganda “contra” de Irmão Lázaro irrita deputados da base de José Ronaldo

 Um político que assistiu anteontem ao programa eleitoral teve a certeza de que o candidato a senador Irmão Lázaro (PSC) pertencia ao grupo do governador Rui Costa (PT) e não ao do candidato a governador José Ronaldo (DEM). Motivo: Lázaro é único candidato que tem feito discurso aberto, no programa eleitoral, contra a aprovação da reforma da Previdência e a Trabalhista, defendidas pelo partido de Ronaldo e de seus apoiadores. Deputados federais que ajudaram na aprovação da reforma trabalhista por considerarem-na importante para o país são os mais indignados com o candidato do PSC. (Com informações da Raio Laser)

07/08/2018 | 23:19:26
Perto da eleição, José Trindade decide se licenciar da Câmara de Vereadores
O vereador José Trindade (Pode) decidiu se licenciar do seu mandato na Câmara de Salvador. Em seu lugar, vai assumir Igor Manasses (PSL). A cerimônia de posse do novo integrante da Casa acontece na próxima segunda-feira (13), às 11h. Trindade deve ser candidato a deputado estadual pelo Podemos na eleição deste ano. Nos últimos meses, outros dois vereadores já deixaram a Câmara em razão do pleito. Sidninho (Pode) deixou o posto para trabalhar na campanha política do grupo ligado ao governador Rui Costa, enquanto Joceval Rodrigues (PPS) será candidato a deputado federal.
07/08/2018 | 23:15:38
Prefeitos acordam com Rodrigo Maia votação de projetos sobre licitações e ISS
 
 
 
Em marcha ao Congresso Nacional, prefeitos de várias cidades brasileiras acordaram nesta terça-feira (7) com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), a votação da reforma da Lei de Licitações e um substitutivo à reforma do Imposto Sobre Serviço (ISS), para a próxima semana.   De acordo com o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e vice-presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Eures Ribeiro, as duas matérias fazem parte da pauta prioritária do movimento municipalista. “Viemos para articulação forte nesse ano eleitoral. Os municípios estão numa situação de penúria e precisam da sensibilidade do Congresso Nacional”, reclamou o gestor, que também é prefeito de Bom Jesus da Lapa, no oeste Baiano.
07/08/2018 | 23:14:34
Senado aprova projeto que tipifica crime de importunação sexual

O Senado aprovou nesta terça-feira (7) um projeto de lei que cria o crime de importunação sexual. A tipificação pode enquadrar, por exemplo, casos registrados de homens que ejacularam em mulheres no transporte público. O texto segue para sanção. A aprovação marca os 12 anos da Lei Maria da Penha, que fortaleceu o combate à violência contra a mulher no Brasil. A lei foi sancionada em 7 de agosto de 2006. A importunação sexual é a prática de ato libidinoso na presença de alguém, sem que essa pessoa dê consentimento. Após a sanção, esses atos se tornarão crimes sujeitos a punição de um a cinco anos de prisão.

03/08/2018 | 18:20:48
'Se um homem não está aberto a ouvir críticas a sua administração, então que abandone a vida pública”, alfineta diretora executiva da Rádio Líder FM ao referir-se ao prefeito de Irecê

(Por Fernanda Dourado)

Após uma mensagem vazada do prefeito de Irecê, Elmo Vaz, do grupo de WhatsApp da UNIP- da Associação dos municípios de Irecê, o imbróglio entre a emissora Líder FM e o prefeito da cidade parece estar longe do fim. O grupo tem apenas 18 prefeitos – integrantes da Associação e o diretor executivo da instituição, Renilton Souza. Na mensagem, Elmo Vaz afirma que a emissora “passa 24 horas falando mal da gestão dele e inventando mentiras” . Ele também questiona  a função da instituição: “Eu pergunto: para que existe associação de prefeitos? Cadê a união dos prefeitos?”, protesta. O ex-presidente da Codevasf ainda ameaça deixar a instituição. “Se a UNIP nada pode fazer eu estou informando o meu desligamento da instituição e vou cuidar de minha vida sozinho”, disparou. Em um longo texto, Elmo diz que tomará medidas. “Irei reagir e tomar providências, pois não sou covarde e tenho meios pra isso. Também não sou ingênuo e sei que tem um bandido por trás de tudo isso”, ao referir-se de forma subliminar ao dono da Rádio J. Sydnei. No final da mensagem, Elmo ainda faz um pedido aos colegas gestores: "Espero que essa mensagem não saia desse grupo, pois ela não é pública e quando assim quiser fazer será por minha conta", disse. O Bahia Repórter ouviu a diretora executiva da Rádio Lider FM, Débora Suelen, que diz ser intolerável, no contexto de uma sociedade fundada em bases democráticas, a repressão à imprensa. “O interesse social, que legitima o direito de criticar, está acima de eventuais suscetibilidades e desejos pessoais das figuras públicas. Pelas declarações ao grupo da Unip e dadas a imprensa, demonstra claramente que trata-se de uma perseguição pessoal. Se um homem não está aberto a ouvir críticas a sua administração, então que abandone a vida pública. Continuaremos nosso trabalho, zelando pelo compromisso de informar e dar vez e voz a população ainda que isso nos custe a perseguição dos tiranos e opressores. Nosso compromisso é com a sociedade de Irecê e região. Nosso silêncio não está a venda”, bradou. A jornalista acrescenta ainda que o prefeito já esteve várias vezes na emissora e sempre foi atendido com cordialidade e respeito.O Bahia Repórter tentou por diversas vezes contato com o prefeito municipal, mas não obteve sucesso.
Antônio Conselheiro