Juiz admite confundir R$ 26 mil com R$ 256 milhões na conta de Marisa Letícia

O juiz Carlos Henrique André Lisbôa, do Foro de São Bernardo do Campo, reconheceu nesta quinta-feira (7) que cometeu um engano ao atribuir um valor de R$ 256 milhões à uma conta da ex-primeira dama Marisa Letícia, que morreu em fevereiro de 2017.

A presença dos supostos milhões na conta de Marisa foi apontada pelo magistrado em um pedido oficial de elucidação sobre o valor, ocorrido após um “erro de cálculo” dele. Na ocasião, no mês de abril, Lisbôa pediu explicações sobre as 2,56 milhões de unidades de “CDB” no valor de R$ 100, o que totalizariam R$ 256 milhões na conta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *