“Léo é de maior e vacinado”, diz ACM Neto sobre pedido de desfiliação de secretário

O prefeito ACM Neto minimizou, na tarde desta quinta-feira (5), o pedido de desfiliação do DEM por justa causa feito pelo secretário municipal de Saúde, Léo Prates. O deputado estadual licenciado alegou que vem sendo retaliado há pelo menos 2 anos por filiados e membros dos diretórios municipal e estadual do partido, que são comandados pelo ex-deputado estadual Heraldo Rocha e deputado federal Paulo Azi, respectivamente. O documento foi entregue pelo seu advogado ao diretório estadual do DEM, na última segunda (2), e o partido tem o prazo de 5 dias para apresentar uma resposta.

“Primeiro, eu não conheço o teor do pedido. Segundo, esse assunto está sendo comentado pelo próprio secretário Léo Prates. Terceiro, pelo que eu soube, a partir do próprio presidente Paulo Azi, não se falou em perseguição e sim contradição e divergência de natureza ideológica, de pensamentos partidários. Então, não adianta quererem encontrar chifre em cabeça de cavalo, porque não vai acontecer”, ponderou o presidente nacional do DEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *