“Se continuar sem definição… É óbvio que vamos perder de WO”, diz Marcelo Nilo sobre a demora do governo na escolha dos nomes que disputarão a prefeitura de Salvador

 

(Por Fernanda Dourado) 

Em entrevista ao Bahia Repórter, o ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia e deputado federal,  Marcelo Nilo (PSB), reconheceu que o governo demorou para escolher o candidato a prefeito de Salvador. “Nós demoramos demais para escolher o candidato”, afiançou. Quando questionado sobre a desistência do presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, a disputa pelo Palácio Tomé de Souza, largou: “Eu sempre soube que Bellintani não seria candidato. Tava na cara! Ele não queria ser candidato. Quem quer ser candidato, procura os partidos, as pessoas. Ele nunca procurou um partido, uma pessoa”, afirmou. 

Sobre a morosidade do governo na escolha do postulante a prefeitura de Salvador, o ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, foi categórico. “Ainda faltam 9 meses. Se o governo quiser escolher um candidato, dois ou três … e cair no campo para disputar as eleições. Mas se continuar sem definição. É óbvio que vamos perder de WO”, assegurou Marcelo Nilo – que é conhecido no meio político pela transparência ao falar. Em tempo: No futebol, WO é quando uma equipe não se apresenta com o mínimo de jogadores (7 jogadores) ou se durante a partida, ficam lesionados ou sejam expulsos, a equipe também pode perder por WO. Dessa forma, como o governo ainda não escolheu o nome, o  deputado, claro, se refere a primeira definição do que é WO. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *