Vereador de Petrolândia, devolve dinheiro que, segundo ele, tentaram “lhe comprar” e manda recado: “Tem até às sete horas da noite, sete da noite. Se não vir buscar eu vou para frente da “Câmara”

(Por Fernanda Dourado)

Petrolândia é uma cidade do Sertão de Pernambuco e fica distante, 412 quilômetros da capital, Recife. De lá um vídeo viralizou – já que o vereador eleito, Said Sousa (Podemos) denunciou  ter recebido grande quantidade de dinheiro. Durante a gravação, o legislador municipal  diz que tentaram o corromper, mas não explica o motivo.

 

Sentado em uma cadeira ao lado de uma mesa, Said mostra diversas notas de R$ 100,00 e R$ 50,00 reais e ainda  pega alguns volumes que parecem ser, cada um, de R$ 1.000,00, enquanto outros tantos estão espalhadas em uma mesa para que o internauta tenha dimensão da quantidade de dinheiro que lhe foi ofertada, mas recusada. Contudo, ele não informa o valor.

Em seu discurso, Said ressalta que o valor é elevado quando diz que, é “muito dinheiro, muito dinheiro mesmo”, e continua, “minha expectativa não está aqui não. Minha expectativa está em Deus. Nesse eu posso tudo”.

Revoltado, mas sem deixar claro quem e qual era o objetivo de tentarem “lhe comprar”, Said manda o recado para que busquem o dinheiro em sua residência “ainda hoje”, ou ele iria para a porta da Câmara de vereadores, segundo ele, jogar para a população todo o valor. “Tem até às sete horas da noite, sete da noite. Se não vir buscar eu vou para frente da câmara”.

O legislador municipal ainda informa que “acabou essa politica, acabou”. E diz que Petrolândia está nesta situação, de acordo com ele, “caindo, caindo”, por causa de pessoas ambiciosas. O vereador também disse não ter medo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *