UPB e TCU discutem capacidade técnica de cidades; item é desafio para 70% da Bahia, diz Cocá

O presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Zé Cocá, declarou que um dos grandes desafios para a maioria dos municípios baianos é a governança, o que reflete na capacidade técnica das prefeituras. Cocá externou a posição durante encontro online com o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), João Augusto Nardes, e pelo o diretor nacional do Instituto Euvaldo Lodi (IEL Bahia) e representante da Confederação Nacional da Indústria (CNI), vice-presidente executivo Paulo Afonso.

 

“A governança pública é um dos maiores desafios atuais dos gestores, 70% dos municípios são de pequeno porte e muitas vezes têm pouca estrutura e um quadro bem reduzido. Acredito que o caminho está em capacitar nossa equipe técnica para que permaneçam no município. Nosso papel é mostrar que os pequenos municípios têm condições de ter governabilidade, de trazer empresas e ter bons negócios”, disse o também prefeito de Jequié, no Sudoeste.

 

Na Bahia, 288 municípios têm menos de 25 mil habitantes, ou seja, são 69% dos 417 municípios do estado. Durante a fala, o ministro João Augusto Nardes disse que é necessário ter a consciência de que a governança veio para ficar, e servirá ao aperfeiçoamento da administração pública. “É preciso ter colaboração e sincronização entre todos os municípios e solidariedade entre os prefeitos. Quando se monta uma estratégia em conjunto, o resultado será maior para toda a comunidade. Estou à disposição para colaborar, a fim de que possamos unir todos os municípios”, afirmou Nardes.

 

Ainda na participação, João Augusto Nardes apresentou a “Cartilha de Governança para os Municípios Brasileiros”. O documento foi feito com apoio da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e deve ser distribuído para os municípios.

 

O encontro teve a mediação de Paulo Afonso, diretor do IEL Bahia “Essa é uma grande oportunidade para as prefeituras receberem conhecimento, ferramentas e suporte do IEL para o desenvolvimento da governança e gestão”, disse Afonso.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email